Disfarce

Pinheiros

Presentes

Trenós?

Neve?

Um “bom velhinho”

Um grande pé de meia

Um “precioso” vinho

Que enrosca todos numa grande teia

Tempo de falso muxoxo

De disfarce … de sorriso frouxo

Natal é época de se esconder

Atrás de belo traje

Ou de disfarçar o ser

Ignorando a Majestade.

Wagner Amaral

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s